Ciência — 17 maio 2013

Pikaia - 500 milhões de anos de história 

Pikaia  - o primeiro vertebrado.

Pikaia é um animal extinto, do período Cambriano, considerado pela imensa maioria dos biólogos como o ancestral comum de todos os atuais vertebrados.

 Os primeiros registros do fóssil de cordados  foram representados pelo Pikaia. 

Pikaia – 500 milhões de anos

“Somos apenas peixes altamente avançados” (John A. Long). Um dos contributos mais importantes para o percurso evolutivo do homem, foi a jornada dos peixes dos mares arcaicos para dar origem às criaturas terrestres.

A evolução dos peixes tende a ser, muitas vezes, esquecida quando se conta a história da evolução dos vertebrados e, em particular, da espécie mais bem sucedida do planeta. É necessário para compor os estudos  a revelação de uma parte do nosso passado que a maioria das pessoas desconhece.

A enorme diversidade de peixes tal como conhecemos hoje com variadíssimas formas, cores, dimensões e estratégias de vida parece-nos um dado adquirido, no entanto, nem sempre foi assim.

Tudo isso teria começado há cerca de 500 milhões de anos, muito antes dos Dinossauros povoarem a terra, no período Jurássico (há 205 milhões de anos), passando por diversas fases de um processo dinâmico de gênese  adaptação e extinção. A história evolutiva dos peixes é tão mais impressionante como quando foi trilhada, enquanto continentes e clima se modificavam dramaticamente, ao mesmo tempo em que ocorriam extinções em massa e transformações profundas da fauna e flora até que chegássemos a forma atual da vida em nosso planeta.

Reconstruir o percurso evolutivo dos peixes até aos nossos dias é um desafio só possível graças “às histórias” gravadas na rocha (fósseis)que perduraram por milhões de anos, esperando pacientemente até serem novamente trazidas à luz. Alguns destes fósseis podem corresponder a peixes inteiros ou a uma simples escama, dentes ou pequenos ossos, que se vão encaixando num quebra-cabeça graças à perseverança e a paciência dos paleontologistas.

Os cordados constituem um grupo zoológico que compreende animais adaptados para a vida aquática e terrestre.

Segundo estes especialistas, o antepassado mais antigo dos peixes, parece ter sido um monstrinho em forma de minhoca, chamado Pikaia, proveniente do período Cambriano médio (540 a 510 milhões de anos) descoberto no Canadá.

Pikaia, já possuía algumas das características únicas dos vertebrados contudo, a forma como este parente ancestral teria evoluído até aos primeiros peixes com coluna vertebral permanece um mistério, não obstante as diversas teorias existentes.

Tanto quanto se sabe, os primeiros peixes chamados ósseos, embora o tecido ósseo destes primeiros peixes fosse bastante diferente daquele que atualmente conhecemos nos vertebrados modernos, datam de há quase 500 milhões de anos.

Fragmentos dos seus fósseis foram encontrados pela primeira vez na Austrália Central; e mais recentemente na Bolívia, foram encontrados os primeiros fosseis completos de há aproximadamente 470 milhões de anos.

A característica mais marcante destes primeiros peixes prende-se com o fato de ainda não terem desenvolvido maxilares, daí serem chamados Agnatas (Sem mandíbula)

que em grego significa “sem agnatos” ou seja, sem maxilar. Alguns agnatas parentes distantes deste ancestral conseguiram sobreviver até atualidade tendo-se tornado numa especialidade gastronômica bastante apreciada em alguns países da Europa, como Espanha, Portugal, França.

 

Edit./J.Coutinho

 

 

Edit./J.Coutinho

Compartilhar

Sobre o Autor

admin

(0) Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*



Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>