Ciência Economia Slideshow — 25 janeiro 2013
    

                                                                                                           Empresa venderá inicialmente 47 jatos E-175.

negócio pode chegar a US$ 4 bilhões de dólares, mais de R$ 8 bilhões.

Negócio pode chegar a US$ 4 bilhões de dólares, mais de R$ 8 bilhões.

Com um negócio bilionário anunciado nesta quinta-feira (24), a Embraer ganhou força para competir no concorrido mercado aéreo dos Estados Unidos.

O negócio pode chegar a US$ 4 bilhões de dólares, mais de R$ 8 bilhões. No competitivo mundo da aviação doméstica, a Embraer fechou um acordo para vender inicialmente 47 jatos E-175.

As encomendas podem dobrar, porém, chegando a 94 aviões. As aeronaves foram compradas pela Republic Airways e vão operar em rotas regionais nos Estados Unidos, que pertencem à American Airlines.

A crise econômica obrigou as empresas de aviação a reduzir ainda mais os custos, a buscar alternativas para aumentar o transporte de passageiros sem aumentar as despesas.

Aviões regionais com capacidade para levar 50 passageiros perderam mercado, e dificilmente vão sobreviver daqui para frente. O E-175 pode ser configurado para levar até 88 passageiros. Consegue transportar mais carga, consume menos combustível do que os principais concorrentes e ainda polui menos.

Para Ozílio Carlos da Silva, ex-presidente da Embraer, o negócio fechado pela empresa é uma vitória sobre a principal concorrente, a canadense Bombardier. “É uma empresa em crescimento. O que é diferente da venda que a Embraer perdeu para Bombardier, que foi para clientes já antigos, estabelecidos”, afirma.

Para Robert Mann, especialista em aviação, a Embraer oferece o melhor avião da categoria, e afirma que a empresa pode ir ainda mais longe: “A escolha americana pelo E-175 para a operação regional, muito provavelmente, vai resultar na escolha do Embraer 190 para as operações maiores”, diz. O E-190 pode transportar até 114 passageiros, terreno dominado hoje pela Airbus e Boeing.

Fonte. O Globo/

Edit./ J.Coutinho

Compartilhar

Sobre o Autor

admin

(0) Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*



Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>