Forças Armadas Política — 24 maio 2013

Obama expõe uma de suas políticas mais secretas

 

A carta foi divulgada um dia antes de um discurso programado pelo presidente Obama

Os EUA reconhecem ter matado quatro cidadãos norte-americanos 

A administração de Obama reconheceu pela primeira vez que matou quatro  cidadãos norte-americanos em operações ditas de  antiterroristas pelo mundo afora desde 2009.

Em carta enviada ao Congresso pelo procurador-geral Eric H. Holder Jr. não foram detalhadas as motivações do governo para suspeitar de seus cidadãos. As informações são do The Washington Post.

Três  mortes ocorreram em ataque de Drones da CIA no Iêmen, em 2011: Samir Khan, Anwar al-Awlaki e um jovem de 16 anos. O quatro – Jude Kennan Mohammad, natural da Flórida – foi assassinado no Paquistão, em uma operação até então desconhecida.

A carta foi divulgada um dia antes de um discurso programado pelo presidente Obama, que deve se comprometer a tornar suas políticas antiterrorismo mais transparentes.

A constituição dos EUA, não admite matar compatriotas sem um justo julgamento;  pelo que sabemos não há nenhum tribunal nas pontas dos mísseis guiados por laser, dos bombardeiros não tripulados Drones;  essas máquinas de guerra são  equipadas com câmeras de visão noturna, quando acionadas, podem reconhecer um rosto a 1400 metros à noite; como em sua maioria, os “ditos terrorista” pelo costume no seu traje andam normalmente com o rosto coberto, como é que podem atirarem sem a certeza do que estão fazendo?

Esses tiros no escuro,  dito “Fogo amigo” há de ter um fim; pois, de vez em quando o feitiço vira, e o choro não é de quem deveria ser atacado, mas, sim das famílias dos companheiros dos que estão na mesma empreitada; Basta no Vietnã; e não faz muito tempo, no Iraque, no Afeganistão etc.

Os Drones, sem nenhuma dúvida é um super parceiro na área militar, na vigilância das fronteiraras, e em muitas outras áreas da segurança; mas;  não contente com tudo isso,  as autoridades norte-americana passam do limite da honra militar, atacando indiscriminadamente cidadãos indefesos tido com terroristas.

Edit./J.Coutinho

Edit./J.Coutinho


Edit./J.Coutinho

Compartilhar

Sobre o Autor

admin

(0) Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*



Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>