M. ambiente Saúde Slideshow — 19 março 2013

China “o Meio ambiente na UTI” Escândalo ambiental - Em 18 março de 2013

(Por Yi Chang:.)

Os corpos dos animais começaram a aparecer na sexta-feira no Huangpu, em um trecho do rio  que está a 70 km de um dos principais cartões postais do país

Não é de agora que os  chineses vivem imersos em uma sucessão de escândalos ambientais e de saúde pública. Ainda assim, a imagem de animais em decomposição  no rio que corta a maior cidade do país é candidata às páginas de realismo fantástico de Mo Yan, (o escritor que venceu o Prêmio Nobel de Literatura no ano passado.)

Os corpos dos animais começaram a aparecer na sexta-feira 9 de Março, no Huangpu, em um trecho que está a 70 km de um dos principais cartões postais do país, no qual o rio separa o Bund, local  internacionalmente conhecida como zona de atração para turistas e residentes, na antiga de Xangai, do despudoradamente iluminado centro financeiro de Pudong.

O rio é uma das principais fontes de água para mais 24 milhões de habitantes da cidade, que enfrentam o óbvio temor de contaminação.  Temos que agir rapidamente para remover todos as carcaças, em razão do risco de poluição da água, disse    Xu Rong, responsável pela área ambiental do distrito de Songjiang, que concentra as operações de retirada dos animais do rio.

Por enquanto, a qualidade da água não foi afetada, mas temos que remover os porcos o mais rapidamente possível para que seus corpos não apodreçam na água.”  ( TERRÍVEL !  )

Não se sabe o que matou os animais nem como seus corpos foram despejados no rio; a  principal suspeita é que tenham sido vítimas de alguma doença comum na imensa população suína do país, que beira os 500  milhões de animais, a maior do mundo.

Testes realizados em amostras da água do Huangpu indicou a presença de circovírus porcino, um vírus que é inofensivo para  a saúde dos humanos. As autoridades de Xangai disseram que estão realizando testes frequentes na água potável utilizada na cidade, estamos tentando detectar as eventuais ameaças à saúde pública, disse.

No começo do mês de Março alguns jornais da província de Zhejiang, (vizinha de Xangai) , registraram a morte de milhares de porcos desde o início do ano. Em uma só localidade, 10 mil animais haviam morrido em janeiro e outros 8.300 em fevereiro. “Mais de 300 porcos morrem a cada dia em nossa vila e nós quase não temos espaço para nos desfazer dos porcos mortos”,   disse um camponês de uma vila de  Jianxing.                                   ( Continua TERRÍVEL ! )

Xangai – Centro Financeiro de Podong

O caso dos porcos flutuantes é um dos principais tópicos de discussão no weibo, a versão chinesa do twitter, que é proibido no país. Alguns internautas usaram o tema para criar paródias do cartaz do filme Life of Pi, o estrondoso sucesso do taiwanês Ang Lee.

O escandaloso acontecimento nas ultimas semanas em Xangai, mostra que o homem não está dando a devida atenção para o meio ambiente nem se preocupando com sigo mesmo muito menos com a opinião pública internacional, já que a opinião pública nacional não tem voz. A pouco eu li um artigo a respeito dos “corpos flutuantes” no lendário rio amarelo, Huang he  黄 河  (em mandarim) que corta varias cidades importantes da China.

De acordo com o jornal chinês “Oriental Morning Post”, sobre as águas do famoso Rio Amarelo passaram boiando, nos últimos 50 anos, mais de 10.000 cadáveres apenas nos 80 quilômetros em torno da cidade de Lanzhou, na província rural de Gansu.

A coisa é terrível, mas parece ser tão normal, que não se vê o Greenpeace  com suas bandeirolas e alto-falantes nas avenidas e praças e no Parlamento chines encarando o dragão de frente e dizendo: parem com isso… Na China a história é outra. Aquele povo é realmente diferente; “na época da “Guerra Fria” eles simplesmente faziam um tal jogo que deixavam os EUA e os URSS sem entender nada, e sem saber o que realmente os chineses queriam.

Numa ameaça atômica dos EUA contra a China, o Mao Tse-tung  毛泽东; disse : Podem jogar suas bombinhas aqui, vocês matarão 10, 20, 30 milhões, e ainda sobram mais de 500 milhões então; a China renascerá  muito mais forte, e voltará a ser o que era 500 anos atrás (中国   Zhongguo nação do meio, China ) , não houve ataque nenhum, nem da URSS e nem dos EUA. O certo é que a China estará em breve se tornando a Nação Central,  lugar que  agora é dos EUA; tudo isso  pode acontecer, se os chineses e indianos não acabarem com a Natureza antes, aí realmente veremos a fúria do dragão, uma super potência em todos os sentidos.

Em  18 de março 2013 – Vários órgãos internacionais denunciam que o número de porcos mortos já retirados do rio de Xangai ultrapassam os 13 mil.

(Por Yi Chang:.)

Edit./ Yi Chan


Edit./ Yi Chan

Compartilhar

Sobre o Autor

admin

(0) Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*



Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>